Foragido desde 2015, homem apontado como chefe do tráfico e suspeito de 10 homicídios é preso em Vila Velha



De acordo com a polícia, o acusado é o executor do tiro que matou a vendedora Thaís Oliveira Rodrigues de 22 anos, no ano passado, em Morada da Barra


Com uma ficha criminal extensa e dez mandados de prisão em aberto, todos por homicídio, foi preso no fim da tarde de domingo (26) o homem apontado como um dos chefes do tráfico de drogas de Morada da Barra, em Vila Velha. Segundo a polícia, Antônio Rodrigues Galdino, conhecido como "Neco", era foragido da polícia desde 2015.
Além disso, Neco é apontado pela polícia como o assassino da vendedora Thaís Oliveira Rodrigues, de 22 anos, morta em agosto do ano passado, quando teria ido buscar um bolo de aniversário e teve o veículo alvejado pelos criminosos do bairro Morada da Barra. 
De acordo com a polícia, o suspeito acabou preso depois que moradores teriam ido pedir ajuda ao traficante, por conta de bandidos que estavam realizando roubos na região da Grande Terra Vermelha. Quando Neco chegou ao local, ele foi alvejado por outros criminosos que o aguardavam em uma emboscada. No entanto, ele só andava de colete e foi atingido apenas por um tiro, que não causou graves ferimentos. 
Machucado e com dor, Neco tentou pedir ajuda e acabou sendo visto por policiais. Ao tentar fugir, ele deixou um rastro de sangue pelo chão, que ajudou militares na localização. Ele foi detido e levado para um hospital da região, onde tratou os ferimentos e depois foi encaminhado para a Delegacia Regional de Vila Velha.
Ainda na madrugada desta segunda-feira (27), Neco foi levado para o Centro de Triagem de Viana, onde deve ficará à disposição da Justiça.
Fonte: Folha Vitória

Postar um comentário

0 Comentários