Tenente-Coronel é preso por suspeita de desviar armas para clube de tiros na Serra


Um tenente-coronel responsável por controlar a entrada de armamentos no Espírito Santo e Rio de Janeiro foi preso. Alexandre de Almeida estaria desviando as armas para a escola de tiros Guerreiros, na Serra, por intermédio de um irmão. As informações são do jornal O Globo.
A prisão de Alexandre de Almeida aconteceu na última terça-feira. Segundo O Globo, Alexandre de Almeida é apontado como integrante de um esquema que desviava armas do Serviço de Fiscalização de Produtos Controlados da 1ª Região Militar do Exército.
A investigação começou após o desvio de uma pistola 9mm da marca Taurus. De acordo com as informações de O Globo, o dono do clube de tiros Guerreiros, Marcos Antônio Loureiro de Souza, teria admitido que a unidade recebeu 110 “armas antigas”, recolhidas por ele na casa do tenente-coronel Alexandre de Almeida e levadas para Vila Velha. Pelo lote, ele acertou o pagamento de R$ 90 mil, em 12 prestações. Desse total, três já haviam sido pagos em 2018.
Fonte: ESHOJE

Postar um comentário

0 Comentários